Como ficará o tempo nos próximos dias? Entenda a previsão do tempo

A previsão numérica do tempo teve início em 1904 com Vilhelm Bjerknes, que disse que o estado futuro da atmosfera poderia ser obtido pelas equações que comandam seu comportamento.
Publicado em Ciência dia 19/07/2021 por Alan Corrêa

É muito doido pensar que a gente consegue prever qual será o clima de amanhã. Mas, você já pensou qual é a história dessa função que temos hoje?

A previsão numérica do tempo teve início em 1904 com Vilhelm Bjerknes, que disse que o estado futuro da atmosfera poderia ser obtido pelas equações que comandam seu comportamento.

Os dados que serviram de base para a existência dessas equações são os dados obtidos pelos satélites do estado da atmosfera; mas quem realmente integrou as equações ao clima foi Lewis Fry Richardson. Foi ele que calculou manualmente as equações em pontos definidos numa grade com resolução horizontal com cerca de 200Km, na Alemanha, e ainda considerando 4 níveis verticais.

A previsão do tempo é a aplicação da ciência e tecnologia para fazer uma descrição detalhada de ocorrências futuras esperadas na atmosfera num certo local. A previsão do tempo inclui o uso de modelos objetivos baseados em certos parâmetros atmosféricos, e a habilidade e experiência de um meteorologista
A previsão do tempo é a aplicação da ciência e tecnologia para fazer uma descrição detalhada de ocorrências futuras esperadas na atmosfera num certo local. A previsão do tempo inclui o uso de modelos objetivos baseados em certos parâmetros atmosféricos, e a habilidade e experiência de um meteorologista

Com base nos dados da UTC do dia 20 – 05 – 1910, Lewis Richardson calculou a derivada temporal da pressão na Alemanha Central. 146 hPa, um valor muito maior do que aquele observado.

Para calcular uma variação da pressão atmosférica para apenas um dia é necessário até hoje uma série de cálculos que devem ser feitos com rapidez e precisão, além disso os dados obtidos naquela época não eram o suficiente, isso tudo sem falar que um micro erro poderia propagar várias e várias vezes num cálculo e assim resultar numa previsão errada.

Também chamada de prognóstico envolve a busca baseado nas condições meteorológicas momentâneas que busca antecipar com convicção, e talvez com alguma certeza, as condições meteorológicas futuras. Esse estudo é baseado em dados de diferentes áreas, como a visualização do céu e análise da formação de nuvens, a temperatura observada, a pressão atmosférica, até ao uso de imagens de radar Doppler, balões atmosféricos, bóias marítimas, estações meteorológicas etc.
Também chamada de prognóstico envolve a busca baseado nas condições meteorológicas momentâneas que busca antecipar com convicção, e talvez com alguma certeza, as condições meteorológicas futuras. Esse estudo é baseado em dados de diferentes áreas, como a visualização do céu e análise da formação de nuvens, a temperatura observada, a pressão atmosférica, até ao uso de imagens de radar Doppler, balões atmosféricos, bóias marítimas, estações meteorológicas etc.

Em 1950 um trio de cientistas dos EUA Jule Charney, Ragnar Fjortoft e John Von Neumann realizam as primeiras previsões do tempo bem-sucedidas. A previsão do tempo para um dia com o auxílio de um computador. Já a partir de 1955 nos EUA, teve a iniciação de previsões contínuas feitas por computadores, desde então a previsão vem ficando cada vez mais precisa graças à evolução tecnológica dos computadores.

Outro acontecimento muito importante foi a criação da OMM ( Organização Meteorológica Mundial), em 1963. Desde sua criação vem possibilitando um maior conhecimento das condições da atmosfera, isso tudo a melhoria da qualidade dos dados coletados em todo mundo. Há mais de 50 anos os modelos Numéricos globais começaram a ser utilizados nas previsões do clima, assim possibilitando a leitura da atmosfera a longo prazo.

No Brasil os principais institutos de previsão do tempo são o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos e o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Há ainda instituições estaduais de previsão, especializadas no estado de atuação como o SIMEPAR do Paraná.
No Brasil os principais institutos de previsão do tempo são o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos e o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Há ainda instituições estaduais de previsão, especializadas no estado de atuação como o SIMEPAR do Paraná.

Já que a temperatura climática e atmosférica são diferentes, sempre são necessários ajustes nos modelos para que eles representem melhor a escala física de cada tempo. A previsão do clima e tempo é uma área em constante evolução na meteorologia.