Está pensando em trocar o carro pela bicicleta? Temos dicas importantes para você

Existe uma tendência muito forte, e crescendo cada vez mais, de substituir o transporte poluente por um transporte sustentável. Diversas grandes empresas e associações sem fins lucrativos fazem incentivos nessa linha para a população, especialmente dos grandes centros urbanos.

Apps
4 meses atrás
Está pensando em trocar o carro pela bicicleta? Temos dicas importantes para você

Para muitos não se trata apenas de um transporte limpo, mas também na economia de tempo e dinheiro. Se você é um destes que está pensando em aderir a essa nova onda, temos algumas sugestões que poderão contribuir para sua tomada de decisão.

Um transporte alternativo limpo e sustentável

Movimentar-se de carro ou de transporte público nos grandes centros urbanos está cada vez mais difícil. Além do tempo de que se perde em congestionamentos intermináveis, o custo está ficando cada vez maior, especialmente com o preço dos combustíveis subindo sem parar.

Mas isso não é tudo, existe uma razão maior para se pensar em outra forma de transporte, mais limpo e sustentável, que é a conservação do Meio Ambiente. Muitas grandes empresas e associações se dedicam a incentivar o público a adotar, pelo menos parcialmente, uma nova forma de locomoção.

Uma das principais alternativas é o transporte movido a eletricidade para automóveis, mas isso é uma realidade ainda um pouco distante no Brasil ainda, especialmente pela falta de infraestrutura e os preços altos desse tipo de veículo.

Por isso, a alternativa que nos resta são as bicicletas. Mas são muitas as possibilidades para quem pretende adotar esse tipo de transporte, pelo menos parcialmente, partindo desde a aquisição até a contratação de planos de uso compartilhado. Veja a seguir algumas das opções disponíveis.

1. E-Moving

Entre as opções está o E-Moving, empresa que oferece transporte alternativo por meio de bicicletas elétricas que você pode alugar pagando uma mensalidade, com a grande vantagem de poder ficar com ela pelo período do aluguel, ou seja, não precisa pegar e devolver num determinado lugar depois do uso diário.

A contratação pode ser feita pelo site da empresa ou pelo contato de WhatsApp, mas não existe ainda um aplicativo para celular por ondo o usuário faça sua reserva. A desvantagem é que está disponível apenas para algumas regiões de São Paulo.

São oferecidos dois tipos de bicicleta: a Confort, que e ideal para deslocamento na cidade e oferece bastante conforto; e a Bolt, que está mais voltada para quem pretende realizar práticas de mountain bike. Os preços dos planos são R$ 318 e R$ 407 por mês, respectivamente.

E-Moving
E-Moving

2. Bike Itaú + Tembici

Em parceria com a empresa Tembici, o Banco Itaú criou o Bike Itaú, programa voltado para distribuição de bicicletas na cidade São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Porto Alegre e Pernambuco. O sistema funciona por meio de aplicativo.

Quando o usuário faz o pagamento do serviço a própria plataforma desbloqueia a bicicleta. O usuário pega a bicicleta e usa por um período, depois tem que devolver num ponto de estacionamento do programa.

O aplicativo está disponível nas lojas virtuais e é compatível com Android e iPhone gratuitamente. Os valores do aluguel variam de acordo com o tempo de utilização da bike, começando em R$ 2,99 para um uso rápido, e indo até um plano anual de R$ 358,80.

Bike Itaú
Bike Itaú

3. Scoo

Outra opção muito legal é o Scoo, que oferece tanto bicicletas quanto patinetes. Um dos diferenciais é que a empresa oferece junto o equipamento de segurança, especialmente o capacete.

O sistema conta com aplicativo próprio, compatível com Android e iOS, e pode ser baixado gratuitamente nas lojas virtuais respectivas. O pagamento, entretanto, deve ser feito por meio de cartão de crédito, o que pode limitar um pouco o uso para algumas pessoas.

Scoo
Scoo

4. CicloSampa

No fim da nossa lista está o programa CicloSampa, desenvolvido por uma agência cuja finalidade é desenvolver e aprimorar a mobilidade urbana limpa na cidade de São Paulo. O sistema já conta com 12 estações e não para de crescer.

Entre as regiões contempladas pelo programa estão a Av. Paulista – não podia deixar de ser – e as Zonas Oeste e Sul da cidade. O aluguel, neste caso, também é feito por meio do aplicativo CicloSampa, disponível para Android e iOS.

Mas o legal é que o programa oferece os primeiros 30 minutos de uso de forma gratuita. Depois desse período o usuário pode escolher trocar de bike numa das estações, para continuar usando de graça, ou então pagar o valor de R$ 6,00 a cada meia hora adicional.

CicloSampa
CicloSampa

Techdoido

A tecnologia faz parte da nossa vida, e o Techdoido traz as novidades e dicas sobre elas para você neste blog.

Vamos Bater um Papo?