Uber baniu motoristas e este deve ser o fim dos cancelamentos exagerados

O que vemos agora é uma porção de ex-motoristas do app que estão revoltados com a expulsão, que segundo eles foi sem prévio aviso. Arrependidos de terem cancelados tantas corridas, querem voltar ao sistema do aplicativo.
Publicado em Notícias dia 25/09/2021 por Alan Corrêa

Só quem usa o o aplicativo Uber diariamente sabe o que é sentir na pele ter que esperar um tempão até que algum motorista que realmente queira trabalhar aceitar a corrida e não cancelar sem motivo.

Nos últimos tempos, tem virado mania entre os motoristas acabarem cancelando as viagens por diversos motivos, deixando muito usuário bravo e forçando a empresa a tomar uma atitude.

A Uber anunciou ter banido 1.600 motoristas do seu aplicativo nas últimas semanas devido ao abuso do recurso de cancelamento de corridas.

Celular de usuário que navega pelo aplicativo do Uber - Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Celular de usuário que navega pelo aplicativo do Uber – Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Segundo a CNN, alguns motoristas que prestam serviço para a Uber, inclusive, começaram a colar imagens na parte traseira do banco do passageiro de seus carros para “explicar” o porquê da demora e dos cancelamentos. Na foto, publicada no perfil da Amasp no Instagram, é mostrado que o valor do combustível não compensa o valor recebido pelo motorista no final da corrida.

Motoristas começaram a colar imagens na parte traseira do banco do passageiro de seus carros para “explicar” o porquê da demora e dos cancelamentos (foto: Twitter / amaspmotoristas)
Motoristas começaram a colar imagens na parte traseira do banco do passageiro de seus carros para “explicar” o porquê da demora e dos cancelamentos (foto: Twitter / amaspmotoristas)

Com a alta de preços de combustíveis, motoristas reclamaram sobre a falta de margem de lucro na realização de corridas por aplicativos e repasses foram recentemente ajustados – depois, os condutores reclamaram do reajuste das tarifas. Nesse meio tempo, usuários reclamaram de cancelamentos recorrentes de corridas em aplicativos, segundo a Exame.

A Uber justificou o banimento de motoristas com cancelamentos que não estão de acordo com os termos de serviço do seu aplicativo para smartphones.

Uber exclui motoristas por cancelamento constante de corridas
Uber exclui motoristas por cancelamento constante de corridas

O que vemos agora é uma porção de ex-motoristas do app que estão revoltados com a expulsão, que segundo eles foi sem prévio aviso. Arrependidos de terem cancelados tantas corridas, querem voltar ao sistema do aplicativo.

A Associação dos Motoristas de Aplicativos de São Paulo (Amasp) se pronunciou, antes do anúncio de banimento da Uber, estimando que o cancelamento de corridas afetava 15 mil pessoas.